GLAUCOMA - Uma das principais causas de cegueira irreversível no mundo!

GLAUCOMA - Uma das principais causas de cegueira irreversível no mundo!

Marcelo Kureski
Oftalmologia
CRM/PR 12703 - RQE 4420

O glaucoma é uma das principais causas de cegueira irreversível no mundo. Uma doença ocular silenciosa que se apresenta por conta do aumento da pressão intraocular que danifica o nervo óptico, reduzindo gradativamente o campo de visão da pessoa.

Segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), o glaucoma é a segunda maior causa de cegueira, ficando atrás apenas da catarata.  Estima-se que o glaucoma é responsável por 12,3% dos casos de perda de visão em adultos. A prevalência aumenta com a idade. No Brasil estima-se que existam cerca de 985 mil pessoas portadoras de glaucoma, embora o número deva ser bem mais elevado, uma vez que calcula-se que 50% dos portadores ignoram a doença.

Os principais fatores de risco são: histórico familiar, pressão intraocular elevada, idade acima de 50 anos, diabetes, uso prolongado de corticoides, presença de lesões oculares e descendência negra.

O glaucoma é uma doença crônica, silenciosa, que não tem cura, mas na maioria dos casos pode ser controlada com tratamento adequado. Quanto mais precoce for o diagnóstico, maiores são as chances de evitar a perda da visão.

O tratamento clínico inicial é feito com colírios que baixam a pressão intraocular. A terapia com laser é indicada quando o tratamento com colírio não é capaz de conter os níveis elevados de pressão. O procedimento cirúrgico é a última opção de tratamento.

O glaucoma, por ser assintomático, é uma doença perigosa. Por isso, é recomendado consulta anual a todos que já têm 40 anos ou mais. Quem tem histórico familiar deve consultar um oftalmologista mais assiduamente.