CRIE HÁBITOS SAUDÁVEIS, NÃO RESTRIÇÕES.

CRIE HÁBITOS SAUDÁVEIS, NÃO RESTRIÇÕES.

Nutrição e Nutrologia
Marilis de Oliveira
Nutrição e Nutrologia
CRN 10 6057

Uma boa alimentação não quer dizer uma alimentação perfeita. Ela tem um papel fundamental na nossa qualidade de vida e também ajuda a chegar a nosso peso saudável. Os alimentos "conversam" com os nossos genes, por isso devemos priorizar alimentos nutritivos.

Por muito tempo, acreditamos que era só optar pelos alimentos menos calóricos que estava tudo certo. Dessa forma, nos manteríamos magros e longe de todas as doenças ligadas à obesidade. Só que esse monte de certezas relacionadas ao poder das calorias passou a ser questionado pela ciência nos últimos anos. Claro que seria bem mais fácil se nossa alimentação pudesse ser reduzida à fórmula "gaste mais calorias do que você ingere". Bastaria contar as calorias ao longo do dia, certo? Errado! É só olhar a crise de obesidade que o Brasil e o mundo todo enfrenta atualmente. Calorias não indicam qualidade.

É por isso que uma alimentação saudável deve ser variada, equilibrada, com prazer e com atitudes adequadas. O comportamento é tão importante quanto o nutriente!

A relação que as pessoas têm com a comida é muito complexa. A clássica sensação de culpa após comer e a dificuldade para manter ou reduzir o peso são apenas algumas das consequências dessa conturbada relação. Apesar da grande quantidade de informações sobre alimentos e dietas, as pessoas continuam enxergando a comida como grande inimiga. A nutrição comportamental tem como objetivo mudar essa relação, fazendo com que as pessoas sintam prazer, e não culpa, em comer.

O melhor é fazer as pazes com a comida e perceber a alimentação como uma forma prazerosa de autocuidado. Pequenas mudanças terão impacto importante na busca de saúde e perda de peso.

Uma dica: crie hábitos! Escolha mudar um comportamento e mantenha constância até que vire hábito em sua vida.

Você sabia que o cérebro demora em média 60 dias para criar um novo hábito? Por isso, uma mudança de comportamento requer disciplina e constância!

Toda mudança gera desconforto, mas vale lembrar que todo incômodo é o gatilho para a mudança.